Betta Doente? - Conheça as principais Doenças

O seu Betta pode ficar doente por vários motivos. Se a água em seu aquário estiver muito quente ou muito fria, ela pode prejudicar a saúde dele severamente. Ou talvez porque haja cloro na água ou outro produto químico que é tóxico para o Betta. Além disso, muitas doenças são causadas pela presença de catalisadores no aquário.

Felizmente, todas esses problemas de saúde são evitáveis com procedimentos simples que resultam num peixe saudável. Aqui você vai conhecer as principais doenças do peixe-beta, como evitá-las e mantê-lo com saúde.

Doenças Causadas por Vírus

Os vírus podem vir através de uma variedade de meios: pedras e decorações sujas, restos de comida apodrecendo e peixes contaminados recém-adicionados ao aquário. Embora as drogas anti-virais para peixes estejam sendo testadas, a única solução é ficar mudando a água do aquário e deixar peixes doentes na quarentena.

Bactérias que Deixam seu Betta Doente

Com mais de 35 grupos de bactérias, é difícil manter esses intrusos completamente fora do seu aquário. Para complicar, enquanto algumas são prejudiciais ao seu Betta, a maioria das bactérias em seu tanque de peixes são úteis. Se você perceber que o seu beta está letárgico, fica se escondendo, tem manchas e /ou ferimentos no corpo, ou não está comendo, ele pode estar infectado com vários tipos diferentes de bactérias. Normalmente, fazer a limpeza do aquário mudando a água pode curar seu peixe betta, pois permite ao sistema imunológico dele combater a infecção.

O Perigo dos Protozoários

São uma ampla gama de invasores microscópicos prontos para atacar o corpo do seu Betta, o que pode levá-lo a ficar muito doente. Protozoários penetram na pele, brânquias, boca, olhos e em praticamente todas as partes do corpo. Como acontece com qualquer uma destas doenças, você deve consultar a loja de animais onde comprou seu peixe.

Peixe Betta com sintomas avançados de Dropsy / Hidropisia

Mas, como em muitas delas, simplesmente aumentando a temperatura da água em alguns graus, bem como manter o tanque limpo mudando a água regularmente, irá diminuir a probabilidade de infecções por protozoários. Veja abaixo a tabela com os principais problemas de saúde que afetam o Betta Splendens e como tratá-los.


Nome da Doença Frequência Sintomas
Constimpação Comum
Estômago inchado, não come, não vai ao banheiro (excesso de alimentação)
 

Dropsy / Hidropisia
 
Raro Corpo e olhos inchados, escamas protuberantes.
Fungo Comum
Fungos brancos com aparência de algodão no corpo ou barbatanas.
 
Piolho de peixe Pouco Frequente
Parasitas arredondados grudados na pele, úlceras
 

Barbatana Apodrecida
 
Comum Barbatanas rasgadas ou se desintegrando.
Parasitas Gill Pouco Frequente
Coçando-se em objetos do aquário
Nada de forma estranha
Problemas respiratórios
Olhos esvidraçados
 
Ich Comum
Pequenas manchas brancas no corpo ou barbatanas que parecem grãos de sal.
 
Fungo Bucal
Pouco Frequente
 
Pele irregular e crescimento de fungos parecidos com algodão na boca.
Parasitas (intestinal) Pouco Frequente
Vermes visíveis através da pele, emagracimento
 
Olhos Esbugalhados Pouco Frequente
Olhos protuberantes com possível névoa branca
 
Septicemia Pouco Frequente
Letargia, não se alimenta, traços vermelhos no corpo e barbatanas devido a possível hemorragia.
 
Doença do Lodo Muito Comum
Lodo acinzentado no corpo ou barbatanas.
Coçando-se em objetos do aquário
 
Velvet Muito Comum
Coloração dourada ou amaronzada no corpo ou barbatanas. Parece que o peixe foi borrifado com pó de ouro.